segunda-feira, 17 de novembro de 2014

Amor maior que a Vida:

Tenho-te em mim todos os dias: em pensamentos, em actos e em recordações que guardo com saudade do lado esquerdo do meu peito. Há dias em que as saudades são facilmente ultrapassadas pela azáfama do dia-a-dia, mas noutros ela desperta, aperta e torna-se bem presente na minha memória. A dor já não me esmaga, acho que consegui aprender a ter-te comigo bem Viva no meu coração e não nos meus braços, mas há momentos em que a tua ausência faz-me sentir meio perdida. Fazes-me falta. Vou procurando o teu amor e revendo a tua imagem noutras pessoas, contudo não é, de todo, o mesmo. Não és tu e eu precisava tanto de ti, dos teus beijinhos, dos teus abraços, dos teus sábios conselhos, ou simplesmente da tua presença. És o meu exemplo, quem me guia e é em ti que vou buscar as forças que preciso. Às vezes pergunto-me que conselhos me darias, o que farias, como agias. Muitas das vezes não sei a resposta, ou até sei mas falta-me o teu empurrão, a tua voz, a tua força, a tua coragem. Faltas-me tu e só tu.


2 comentários:

P' disse...

Força minha querida :') esteja onde estiver está junto de ti e a olhar por ti de certeza :)

Inspired disse...

:( Força para esses dias menos luminosos...